quarta-feira, 27 de Outubro de 2021  
Pesquisa
  
Sahara
El Haule
carte
Musique El Haule

 actualidade

O jornal congolês (Fórum dos primeiros) destacou a participação massiva da população das províncias do sul de Marrocos nas eleições de 8 de setembro, explicando que esta “ampla participação” constitui mais uma vez a prova da conexão destas províncias com o Reino, da sua integridade territorial, bem como da sua implementação proativa do plano de autonomia.

No artigo intitulado “Mais uma vez, a eleição dos legítimos representantes dos habitantes do Saara Marroquino”, o jornal destacou a semelhança do ano 2015, o Saara Marroquino oferece, através das urnas, o exemplo da legitimidade aos filhos e “filhas ” do povo sarauí, visando a gerir  seus negócios e defender seus interesses, no Parlamento, junto a esta parte integrante do país, consolidado como o Reino de Marrocos.

O jornal escreveu que "o gênio de Sua Majestade o Rei Mohammed VI conseguiu graças ao seu senso pró-ativo e por meio das reformas consagradas na constituição de 2011".

Neste contexto, o jornal destacou ainda que o plano de autonomia sob a soberania marroquina “reconhecido pela comunidade internacional como uma solução realista e viável, constituindo um facto a ser implementado”, cujos “ saarauis tém eleito seus representantes nos intervalos regulares, visando a gestão da coisa pública."

Tal jornal acrescentou que, atualmente, é fácil visitar as províncias do sul do Reino para anotar como foram desenvolvidas estas cidades de forma moderna a exemplo de Laayoune, Dakhla, Boujdour e outras (...).

Acrescentando ao escrever: "Esses cidadãos plenos marroquinos trabalham graças ao juramento legítimo de fidelidade ao trono alauita, como defensores do Marrocos no seu Saara, a exemplo de  todos os compatriotas, demonstrando  após as eleições desta última quarta-feira, o desejo da renovação de seus novos representantes junto à população,  assumindo os assuntos, sucedendo aos que saíram, eventualmente, novos  nos caminhos da vida democrática que conhece o Marrocos.

Tal  jornal perguntou  sobre os separatistas que foram trinchados em Tindouf? Como tal líder da Polisário pode falar em nome dos habitantes do Saara marroquino, nem estar entre os habitantes das províncias do sul de Marrocos?

Vale ressaltar que as províncias do sul do Reino conheceram as maiores taxas de participação nas eleições coletivas, regionais e legislativas de 8 de setembro, em comparação com o resto do Reino.

Tal porcentagem atingiu 66,94 por cento na região Laayoune-Sakia El Hamra, seguida pela região Guelmim-Oued Noun com 63,76 por cento, e da região Dakhla-Oued Eddahab com 58,30 por cento.

Notícias sobre o saara ocidental-Corcas

 

   
  
 
 

 
Pagina principal   |  História do Sara  |  Geografia  |  Património Hassani  |  Assuntos sociais  |  Economia  |  Infraestruturas Instituições  |  Contactos
 
  Copyright © CORCAS 2021 - Todos os direitos reservados